top of page

TCC - Desafios da educação inclusiva no ensino regular do 6º ao 9º ano em uma escola da rede...

INFORMAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS: RCMOS – Revista Científica Multidisciplinar O Saber. São Paulo – SP ISSN: 2675-9128. São Paulo, ano II, v.2, n. 1, jan-jun 2022.

319 lo ruama - rcmos
.pdf
Fazer download de PDF • 1.12MB
 

DESAFIOS DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO ENSINO REGULAR DO 6º AO 9º ANO EM UMA ESCOLA DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO DA CIDADE DE PORTO GRANDE, ESTADO DO AMAPÁ

CHALLENGES OF INCLUSIVE EDUCATION IN REGULAR EDUCATION FROM 6th TO 9th GRADE IN A MUNICIPAL SCHOOL OF THE CITY OF PORTO GRANDE, STATE OF AMAPÁ


LO RUAMA DE SOUSA SILVA[1]

ME. TIAGO CAMINHA DE LIMA[2]

Submetido em: 27/06/2022

Aprovado em: 27/06/2022

Publicado em: 29/06/2022

v. 2, n. 1, jan-jun. 2022

DOI: 10.51473/rcmos.v2i1.319


RESUMO

O presente trabalho consiste numa avaliação dos desafios que as escolas municipais enfrentam no que tange a educação inclusiva, analisar os anseios e expectativas em relação ao tema através do olhar do professor. A Educação Inclusiva, ainda é um grande desafio a ser encarado atualmente, mesmo com as mudanças educacionais ocorridas ao longo da história do Brasil, principalmente, quando se trata, não apenas de incluir estudantes com deficiências em salas de aulas regulares, mas também, estabelecer relações eficazes que possam favorecer atendimento igualitário para todos independentemente da diversidade, para que eles se sintam, de fato, incluídos no contexto escolar e social. A presente pesquisa apresenta como objetivo geral: analisar se as escolas municipais e os professores que nelas atuam encontram-se (ou sentem-se) aptos para atender os alunos com deficiências e quais dificuldades eles sentem para oferecer a educação inclusiva. Como objetivos específicos: determinar os desafios enfrentados pelas instituições de ensino municipais do ensino regular no que tange a educação inclusiva; avaliar se os professores estão preparados e possuem suporte para a realizar sua prática docente no atendimento a esses alunos; investigar se a comunidade escolar está apta para assistir esse alunado; inquirir qual o envolvimento da família na educação inclusiva e determinar qual seu papel na mesma. A pesquisa apresenta uma abordagem metodológica quali-quantitativa. Foram utilizadas as pesquisas bibliográfica e documental que fundamentaram os estudos envolvendo a temática, além da pesquisa de campo que foi realizada em uma escola da rede municipal da cidade de Porto Grande/AP com os professores do 6º ao 9º ano que atuam com alunos com deficiências, a coordenação pedagógica e os pais ou responsáveis desses alunos. A pesquisa revelou pontos de vistas que hora se cruzavam e hora tomavam caminhos diferentes, revelou que a adaptação dos alunos especiais depende em grande parte das adaptações dos recursos materiais, didáticos, do comportamento e aceitação da comunidade escolar para com esses alunos, tornando o ambiente apto para acolhê-los. Evidenciou os anseios e dificuldades que alguns professores sentem no momento de ministrar suas aulas e conseguir inserir os alunos com especificidades nelas, por sentirem a falta de orientação que atenda a demanda por componente curricular. Revelou como a relação entre família e escola colabora para a efetividade da inclusão.

Palavras-chave: educação inclusiva; inclusão; gestão; professores; família.


ABSTRACT

The present work consists of an assessment of the challenges that municipal schools face regarding inclusive education, analyzing the yearnings and expectations regarding the theme through the teacher’s eyes. Inclusive Education is still a great challenge to be faced today, even with the educational changes that have taken place throughout the history of Brazil, especially when it comes not only to include students with special educational needs in regular classrooms, but also, establish eff ective relationships that can favor equal care for all regardless of diversity, so that they feel, in fact, included in the school and social context. The present research has as its general objective: to analyze whether municipal schools and the teachers who work in them are (or feel) able to serve students with special educational needs and what diffi culties they feel in off ering inclusive education. As specifi c objectives: to determine the challenges faced by municipal teaching institutions of regular education regarding inclusive education; assess whether teachers are prepared and have support to carry out their teaching practice in serving these students; assess whether the school community is able to assist these students; assess the family’s involvement in inclusive education and determine its role in it. The research presents a qualitative-quantitative methodological approach. Bibliographic and documental research that supported the studies involving the theme were used, in addition to the fi eld research that was carried out in a municipal school in the city of Porto Grande/AP with teachers from the 6th to the 9th year who work with students with disabilities. special needs, pedagogical coordination and the parents or guardians of these students. The research revealed points of view that sometimes crossed and sometimes took diff erent paths, revealed that the adaptation of special students depends largely on the adaptations of material and didactic resources, on the behavior and acceptance of the school community towards these students, making the environment fi t to welcome them. It highlighted the anxieties and diffi culties that some teachers feel when teaching their classes and being able to insert students with specifi cities in them, because they feel the lack of guidance that meets the demand for a curricular component. It revealed how the relationship between family and school contributes to the eff ectiveness of inclusion.

Keywords: inclusive education; inclusion; management; teachers; family.


1 Licenciatura em Pedagogia, pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá – Programa UAB.

2 Orientador.

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page