ARTIGO - Caracterização epidemiológica das mortes por Dengue ocorridas na região Nordeste do Brasil

INFORMAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS:

RCMOS – Revista Científica Multidisciplinar O Saber. São Paulo – SP ISSN: 2675-9128. São Paulo, ano II, v.2, ed. 1, 2022.

 
DOWNLOAD (PDF)
.
Download • 587KB

Caracterização epidemiológica das mortes por Dengue ocorridas na região Nordeste do Brasil no período de 2000 a 2019 Epidemiological characterization of dengue deaths in northeastern Brazil from 2000 to 2019 Vanyara Oliveira Silva1; Dalton Ferreira Matos2; Delma Holanda de Almeida3 Submetido em: 09/01/2022/ v. 2, n. 1, jan-jun. 2022 Aprovado em: 11/01/2022/ Publicado em: 14/01/2022[i] DOI: 10.51473/rcmos.v2i1.255 Resumo

A dengue é uma doença viral pertencente ao grupo das Doença Tropicais Negligenciadas (DTNs), estando disseminada por todos os trópicos, com variações de locais de risco influenciadas por chuvas, temperatura, umidade relativa e rápida urbanização não planejada no Brasil, sua disseminação está relacionada com o seu clima tropical. Diante disso, a presente pesquisa tem como objetivo verificar a mortalidade da dengue na região Nordeste do Brasil durante os anos de 2000 a 2019, por meio de um estudo descritivo transversal, empregando dados de base populacional do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) do Ministério da Saúde brasileiro. Durante a análise verificou-se que no período avaliado foram registados no SIM, 736 óbitos na região Nordeste, sendo verificado que os maiores percentuais em relação às variáveis sociodemográficas se concentraram no sexo masculino de faixa etária a partir de 60 anos, pardas e com escolaridade incompleta. Dessa forma, esse trabalho enfatiza a necessidade de investimentos em saúde pública, para que haja uma retração nas taxas de mortalidade por dengue no país.

Palavras-chave: Aedes aegypti; Doenças Tropicais Negligenciadas; Epidemiologia.


Abstract

Dengue is a viral disease belonging to the Group of Tropical Diseases (DTNs), being disseminated throughout the tropics, with variations in risk sites influenced by rainfall, temperature, relative humidity and rapid unplanned urbanization, where in Brazil its dissemination is related to its tropical climate. Therefore, the present research aims to verify dengue mortality in the Northeast region of Brazil during the years 2000 to 2019, through a cross-sectional descriptive study, through a descriptive cross-sectional study, using population-based data from the Mortality Information System (SIM) of the Brazilian Ministry of Health. During the analysis, it was verified that in the period evaluated, 736 deaths were recorded in the Northeast region, and it was verified that the highest percentages in relation to the sociodemographic variables were concentrated in the male gender aged 60 years, brown and with incomplete schooling. Thus, this work emphasizes the need for investments in public health, so that there is a reduction in dengue mortality rates in the country.

Keywords: Aedes aegypti; Neglected Tropical Diseases; Epidemiology.


[i] 1 Discente do curso de Ciências Biológicas-UNEAL. 2 Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, Sergipe, Brasil. 3 Docente da Universidade Estadual de Alagoas-UNEAL.

Posts Relacionados

Ver tudo