ARTIGO - Etnografia virtual: informações divulgadas nas redes sociais sobre a covid-19 e vacinas

INFORMAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS: RCMOS – Revista Científica Multidisciplinar O Saber. São Paulo – SP ISSN: 2675-9128. São Paulo, ano II, v.2, n. 1, jan-jun 2022.

306 - joao lucas - rcmos
.pdf
Download PDF • 1.23MB
 

ETNOGRAFIA VIRTUAL: INFORMAÇÕES DIVULGADAS NAS REDES SOCIAIS SOBRE A COVID-19 E VACINAS

VIRTUAL ETHNOGRAPHY: INFORMATION DISCLOSED IN SOCIAL NETWORKS ABOUT COVID-19 AND VACCINES


João Lucas Santos

Crystian Pinheiro Aguiar

Ana Beatriz Da Rocha Silva

Delma Holanda

Submetido em: 25/05/2022

Aprovado em: 25/05/2022

Publicado em: 26/05/2022

v. 2, n. 1, jan-jun. 2022

DOI: 10.51473/rcmos.v2i1.306


Resumo

O presente trabalho visa mostrar que pesquisas realizadas em ambientes online, principalmente em locais que parecem inadequados para a construção do conhecimento científico, não são seguras. O ambiente virtual está sendo aprimorado a cada dia e evoluindo para fornecer um modo de recurso mais facilitador para as pessoas, ao longo do tempo se tornou algo muito problemático em relação à disseminação de desinformação sobre as vacinas Sars Covid-2. Tendo como suporte metodológico a Etnografia, em postagens no TikTok, Instagram e Youtube como lócus de produção de dados, relacionados a compartilhamentos, curtidas, comentários e visualizações. Para ter uma base sobre as ocorrências de fake News sobre o tema vacinas da Covid-19. Os tópicos de pesquisa utilizados foram ter uma base em relação ao tema de um ambiente virtual, feito com a veiculação de notícias e informações referentes ao conhecimento de vacinas da Sars Covid-2, para o público que mais frequenta as redes sociais em suas postagens e compartilhamento. O que se percebe é que a maioria das pessoas compartilha informações falsas que acreditam serem corretas, por conclusões próprias ou opiniões de terceiros, sem saber ao certo o que está sendo divulgado e sem nenhuma comprovação científica, podem colocar a vida de outras pessoas em risco.

Palavras-chave: Covid fake News, vacinas fakes News, corona vírus fake News


Abstract

The present work aims to show that research carried out in online environments, especially in places that seem inadequate for the construction of scientific knowledge, are not safe. The virtual environment is being improved every day and evolving to provide a more facilitating resource mode for people, it has over time become something very problematic in relation to the spread of misinformation about the Sars Covid-2 vaccines. Having as methodological support Ethnography, in posts on TikTok, Instagram and Youtube as a locus of data production, related to shares, likes, comments and views. To have a base on the occurrences of fake news on the subject of Covid-19 vaccines. The research topics used were to have a base in relation to the subject of a virtual environment, made with the placement of news and information regarding knowledge of vaccines of Sars Covid-2, for the public that frequents more social networks in your posts and sharing. What can be seen is that most people share false information that they believe to be correct, due to their own conclusions or opinions of third parties, without knowing for sure what is being disclosed and without any scientific proof, they can put the lives of others people at risk.

Keywords: Covid fake news, vaccines fake news, corona vírus fakenews

Posts Relacionados

Ver tudo