ARTIGO -Incidência de neurocisticercose em pacientes com epilepsia provenientes do estado de Alagoas

INFORMAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS: RCMOS – Revista Científica Multidisciplinar O Saber. São Paulo – SP ISSN: 2675-9128. São Paulo, ano II, v.2, n. 1, jan-jun 2022.

305 - chrystian - rcmos
.pdf
Download PDF • 940KB
 

INCIDÊNCIA DE NEUROCISTICERCOSE EM PACIENTES COM EPILEPSIA PROVENIENTES DO ESTADO DE ALAGOAS

INCIDENCE OF NEUROCYSTICERCOSIS IN PATIENTS WITH EPILEPSY FROM THE STATE OF ALAGOAS


Crystian Pinheiro Aguiar

João Lucas Santos

Ana Beatriz da Rocha Silva

Delma Holanda de Almeida


Resumo

A neurocisticercose é uma doença que acomete o sistema nervoso central, causada pela presença de larvas da taenia solium nesse órgão, que podem provocar convulsões e vir a desenvolver epilepsia. A cisticercose é uma doença parasitária que está relacionada a condições higiênico-sanitária da população. O objetivo desse estudo foi observar a incidência da neurocisticercose em pacientes com epilepsia atendidos no ambulatório de epilepsias do Hospital Universitário da Universidade Federal de Alagoas. Foi aplicada uma ficha padronizada com dados de identificação, hábitos alimentares, semiologia das crises, exames neurológicos e complementares. Foram incluídos no estudo 107 pacientes, onde 51.4% desenvolveram epilepsia sintomática, destes dois foram diagnosticados com neurocisticercose, os quais eram portadores do Vírus HIV. Diante dos dados coletados observou-se uma grande diminuição dos casos de neurocisticercose associados à epilepsia, a qual pode ter ocorrido a melhores condições de moradia com saneamento básico, informação e fiscalização sanitária.

Palavras-chave: Cisticercose. Crise Epiléptica. Vírus da Imunodeficiência Humana.


Abstract

The neurocysticercosis is a disease that affects the central nervous system, caused by the presence of taenia solium larvae that body, which can cause seizures and go on to develop epilepsy. Cysticercosis is a parasitic disease that is related to hygienic and sanitary conditions of the population. The aim of this study was to observe the incidence of neurocysticercosis in patients with epilepsy treated at the epilepsy clinic of the University Hospital of the Federal University of Alagoas. A standardized form with identification data, eating habits, semiology of seizures, neurological examinations and was applied. The study included 107 patients where 51.4% developed symptomatic epilepsy, these two were diagnosed with neurocysticercosis, which carried the HIV virus. Given the data collected there was a large decrease in cases of neurocysticercosis associated with epilepsy, which may have occurred to better housing with sanitation, health information and surveillance.

Keywords: Cysticercosis. Epileptic Attack. Human Immunodeficiency Vírus.

Posts Relacionados

Ver tudo